Curso de capacitação em tecnologia

Em parceria com a L’Oréal, o Instituto Precisa Ser e o Vai na Web inauguramos no dia 03 de Julho o curso de capacitação em tecnologia! 50 jovens terão a chance de mergulhar no mundo digital para aprender linguagem, técnicas e fundamentos de programação, criando oportunidades profissionais para o futuro. O curso faz parte do Programa Bit – Beleza Inclusiva e Tecnológica, com o foco em construir uma sociedade mais responsável e inclusiva, trazendo conhecimentos, referências e novas perspectivas em áreas importantes do mercado, como é a tecnologia. Neste super encontro, ouvimos um pouco sobre a construção e importância do projeto por Marcelo Zimet, Presidente do Grupo L’Oréal no Brasil, William Potenti, Diretor de TI, e Heln Pedroso de Responsabilidade Social e Direitos Humanos. Além disso, Camila Crispim , Diretora da Fundação Darcy Vargas, também falou sobre a importância dessa parceria para o futuro dos estudantes da FDV.

Equipe FDV participa da formação introdutória ao Letramento Racial

Na última segunda-feira, dia 22 de abril, a equipe FDV teve o prazer de ouvir o professor @ojoaob na formação introdutória ao Letramento Racial.Como estamos localizados no coração da Pequena África, é muito importante que todos os nossos colaboradores estejam alinhados quanto a temática da construção da cultura não apenas regional, mas que entendam a cultura que constrói, dita e mantém as ideias racistas. Essa foi uma oportunidade de apresentar a problemática a todos, para que estejam prontos para andar lado a lado à luta antirracista.O professor João Bigon chegou na FDV em 2024 para ministrar a disciplina de Produção Histórica e Cultural Afro-Brasileira, que tem o objetivo de criar vínculos entre o passado e o presente da história negra no Brasil e no mundo. Assim, os estudantes constrõem um pensamento local e global, entendendo as relações dos contextos históricos variados sobre a História da África e do povo negro com a realidade atual e as questões raciais.Para a FDV, é cada vez mais importante a construção do diálogo sobre questões sociais e raciais. Nossos projetos transbordam para o entorno, como o Belezas da Pequena África e o Saberes e Sabores, ambos em parceria com a @lorealgroupe_br , que são voltados para pessoas negras que se identificam com o gênero feminino. Esses projetos têm o foco em alavancar oportunidades no mercado de trabalho e abrir caminhos para o crescimento econômico das alunas.Juntos, podemos mudar o mundo! Muito obrigada a todos os colaboradores que compareceram e, claro, ao professor @ojoaob pela oportunidade de ouvi-lo!

FDV participa do Seminário O Rio do Futuro

No dia 09 de maio, nossa conselheira Camila Crispim, participou do painel “Cidade da Inclusão: Um novo paradigma para superar a ‘cidade partida’.”, do Seminário O Rio do Futuro: “O Plano Diretor e a próxima década”.Mediado por Carolina Morand , o debate sobre o lugar da pessoa negra na capital carioca contou também com a presença da vereadora @monicacunhario , da secretária de Meio Ambiente, @tainadepaularj , do jornalista @renesilva e do ativista @pretozezeFoi uma experiência única de falar sobre o papel da escola e de projetos sociais para garantir um futuro com maiores e melhores oportunidades, deixando o racismo e a desigualdade social no passado.

FDV realiza evento Escola que Transborda para convidados

Começamos a semana com tudo! Na segunda-feira, 13 de maio, recebemos convidados, em sua maioria da área jurídica, para um almoço especial aqui na FDV. As atividades tiveram início com uma fala da nossa diretora Alice Franco e da conselheira Camila Crispim,. Também assistimos a um bate-papo mediado pelos professores João Marcos Bigon, Lorena Tato e Leonardo Cruz, trazendo o olhar dos alunos para o dia 13 de Maio, além de falar sobre as experiências dentro da escola e visões para o futuro. Depois, eles foram os protagonistas! Estamos acostumados a receber muitos visitantes aqui na Fundação, a falar do nosso trabalho e apresentar a escola. Mas, dessa vez, pensamos em um dos nosso pilares que norteiam o projeto pedagógico, que busca incentivar o protagonismo juvenil. Então por que não deixar que eles apresentem o espaço que ocupam todos os dias? Eles comandaram o tour com os visitantes, mostrando todo o ambiente e como aquele espaço realmente funciona e importa para eles. Agradecemos a todos que vieram e, claro, aos nosso estudantes que deram um show! Somos uma escola que transborda e estamos sempre de portas abertas! Entre em contato e venha conhecer a Fundação Darcy Vargas!