Eletiva combate estresse e ansiedade

A adolescência é uma das fases mais agitadas da vida, o período em que os jovens ficam mais inquietos e imediatistas. Tantas mudanças acontecendo no próprio corpo, a pressão de como será o futuro, com o que irão trabalhar, etc… Se não aprenderem a controlar seus pensamentos e ansiedade desde cedo, correm o risco de ter pouca qualidade de vida no futuro, ou desenvolver doenças causadas pelo stress.

Talvez por esses motivos a eletiva de MindFulness faça tanto sucesso entre os estudantes da Fundação Darcy Vargas. Oferecida atualmente pelas voluntárias Celina Cantidiano e Fernanda Miguez, a modalidade está presente na escola há dois anos e continua sendo a escolha de muitos alunos.

A estudante Gabriela  Marquez do 8º ano começou 2019 praticando mindfulness, teve a oportunidade de trocar a modalidade de eletiva no 2º semestre, mas não quis. Preferiu dar continuidade a prática.

“É um momento onde eu aprendo a me conectar com o meu eu, com o meu corpo. Desde que comecei a realmente me dedicar as aulas eu notei muita diferença no meu temperamento, meus familiares e amigos também perceberam. Já estou ansiosa para as novidades do próximo ano”, contou Gabriela, animada com os seus resultados na eletiva.

Fernanda Miguez se formou em mindfulness nos Estados Unidos e Celina é formada pelo MBCT centro de mindfulness, no Brasil. Ambas unem experiências para adaptar seus conhecimentos a realidade vivida pelos alunos de nossa escola.

“Aqui as crianças infelizmente não têm o mesmo estilo de vida que possuem nos EUA. Os jovens são muito mais agitados, preocupados com o futuro, via de regra a qualidade de vida é bastante inferior, sem falar dos problemas familiares que afetam diretamente os jovens nessa idade. Porém, mesmo com todas essas questões envolvidas é perceptível o resultado positivo que o mindfulness está apresentando na vida de cada um deles”, declarou Fernanda.
 

No Comments

Post a Comment