Escola inicia projeto de monitoria

É comprovado cientificamente que um dos melhores jeitos de aprender é ensinando outra pessoa. Pensando em desenvolver um aprendizado mais eficaz para os estudantes da Escola Fundação Darcy Vargas, deu-se início a uma atividade inédita na FDV. O projeto de monitoria além de estimular o aprendizado ainda trabalha o espírito de equipe entre os alunos.

A equipe pedagógica selecionou um grupo por turma para que eles fossem monitores de seus colegas. Para cada disciplina um aluno diferente. Aquele estudante responsável por tal disciplina deverá ajudar os demais na resolução de exercícios, tirar dúvidas em conteúdos que já domine e até servir de exemplo comportamental em classe.

Um projeto como esse não pode ser criado do dia para noite, houve uma preparação e planejamento para que funcionasse da melhor forma possível.

“Quando a escola foi iniciada nós ainda não tínhamos o conhecimento da qualidade pedagógica de cada aluno. Houve a necessidade de preparar aqueles que viriam a ser os monitores, isso demandou tempo. Não é apenas o nível pedagógico que tem que estar preparado, mas também o emocional. Ter um bom socioemocional é fundamental para o desenvolvimento desse trabalho. Através da monitoria conseguimos trabalhar o protagonismo no estudante. Ele se sente responsabilizado e capaz de ajudar o colega”, explicou Marly Cardoso, diretora da FDV

Com menos de um mês a monitoria já está gerando resultados.
“Os alunos entenderam a proposta da monitora e realmente estão aplicando dentro da sala de aula. Em pouco tempo já notamos mudanças de comportamento, postura e até mesmo as notas começaram a subir. Eles acreditaram em seu potencial a partir do momento em que foram escolhidos para se tornarem monitores”, finalizou professor Pietro Belloni.

No Comments

Post a Comment